Páginas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quinta-feira, 24 de setembro de 2020

ALTAMIRA DO MA, CONFRONTO E PISOTEAMENTO RESULTOU NA MORTE DE 17 CABEÇAS DE GADO.

MAGAREFES E HOMENS  QUE TRABALHAM NA MATANÇA E RETIRADO DO COURO DE GADO, FORAM ACIONADOS E REALIZARAM O SERVIÇO DE PRAXE.

 O fato inusitado foi registrado no fim da manhã da última quarta-feira(23), em uma fazenda localizada as margens da MA 119, em Altamira do Maranhão. Durante o manejo de um rebanho de 300 cabeças de  gado, os animais foram colocados em beco e no trecho de uma ladeira eles se mutuaram,  foi nesse momento que aconteceu um fato estranho o rebanho deu início ao pisoteamento.

Das 300 cabeças, 17 foram sufocadas no confronto e morreram, obviamente 283 ficaram vivas, de imediato o inusitado fato ganhou repercussão na cidade e região, magarefes e homens  que trabalham na matança e retirado do couro de gado, foram acionados e realizaram o serviço de praxe. 


O gado estava saudável e por isso foi aproveitada a carne de todos, informações extraoficiais dão conta que,  das 17 cabeças, 15 foram comercializadas e 02 foram doadas sendo distribuídas entre os trabalhadores que atuaram na operação, não conseguimos falar com o responsável pela fazendo para confirmar oficialmente.


domingo, 20 de setembro de 2020

ASSOCIAÇÃO DOS SURDOS ENQUADRA EUNÉLIO MENDOÇA

EM VÍDEO NAS REDES SOCIAIS, OS DEFICIENTES, CABOS ELEITORAIS DO CANDIDATO DO PCDOB À PREFEITURA, “DISCURSAM” DURANTE O EVENTO QUE OFICIALIZOU O NOME DE EUNÉLIO PARA A DISPUTA

 

A Associação dos Surdos do Maranhão se posicionou sobre a forma como Eunélio Mendonça, ex-prefeito do município de Santo Antonio dos Lopes, expôs quatro mudos durante convenção em Santo Antonio dos Lopes no início da semana.

Em vídeo nas redes sociais, os deficientes, cabos eleitorais do candidato do PCdoB à prefeitura, “discursam” durante o evento que oficializou o nome de Eunélio para a disputa.

“A postura desse Senhor fere a dignidade humana da pessoa com surdez, do cidadão surdo. Não podemos de forma nenhuma aceitar que uma pessoa que já foi prefeito trate de forma tão abominável cidadão que, por falta de políticas públicas no município em que vivem, foram vítimas do descaso e do abandono desse poder público”, diz um trecho do documento.

Leia na íntegra:

Blog Marrapá.