Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

VINICIUS LOURO LANÇA O PARLAMENTO PARTICIPATIVO PARA POPULAÇÃO DO MÉDIO MEARIM

O PARLAMENTO PARTICIPATIVO É UM PROJETO GRANDIOSO QUE VAI FUNCIONAR COM A PRESENÇA DO DEPUTADO NA COMUNIDADE

Dep.Vinicius Louro na tribuna
O deputado estadual Vinicius Louro, vice-presidente do PR no Maranhão, está lançando para o Médio Mearim o Parlamento Participativo, a proposta inovadora do parlamentar é legislar diretamente com o povo, ouvindo de perto os anseios da população. Acompanhado do vice-presidente municipal do PR de Poção de Pedras, Júlio César, o parlamentar afirmou nesta segunda feira (15) que quer dialogar com todos os setores da sociedade: prefeitos, vereadores, lideranças e a população.“O Parlamento Participativo é um projeto grandioso que vai funcionar com a presença do deputado na comunidade, escutar de perto os anseios da população. Estamos tratando primeiramente do município de Poção de Pedras e posteriormente e de outros municípios do Médio Mearim do qual não tivemos apoio de gestores”, explicou o parlamentar.
Vinicius Louro explicou, ainda, que trabalhar com apoio dos prefeitos aliados fica mais fácil já que os gestores já sabem para onde destinar as obras. A meta para 2016 é levar o Parlamento Participativo àqueles municípios onde os gestores não são aliados e ouvir diretamente a população. “O que queremos é tornar o nosso mandato mais participativo, trazer os representantes de bairros, líderes comunitários através de reuniões, uma conversa mais próxima para que possamos ajudar melhor a população destas cidades”, afirmou o deputado estadual.

Para o vice-presidente do PR de Poção de Pedras, Júlio César, a iniciativa do deputado Vinicius Louro é louvável e quem ganhará é a população. “Desde quando o deputado Vinicius nos trouxe essa louvável ideia, abraçamos de imediato. O deputado presente na nossa cidade irá com certeza identificar e nos ajudar a resolver nossos problemas, nossa cidade clama por mais desenvolvimento”, finalizou Júlio César.
Assecom/ Dep. Vinicius Louro

Nenhum comentário :

Postar um comentário