Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

GOVERNO DO MARANHÃO REALIZARÁ MUTIRÃO DO GLAUCOMA NA REGIONAL DE SAÚDE DE BACABAL ESTE FIM DE SEMANA

OLHO D'ÁGUA DAS CUNHÃS E MAS 09 MUNICÍPIOS SERÃO CONTEMPLADOS COM AS AÇÕES

O Governo realizará nesta sexta-feira (08/12) e sábado (09/12)mutirão de combate ao glaucoma em municípios da regional de saúde de Bacabal. A ação promovida pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), tem por objetivo prevenir a população da doença, assim como realizar o diagnóstico precoce.

Michael Jackson,  Gestor Regional de Saúde de Bacabal falou com exclusividade a nossa reportagem e fez um convite especial para as pessoas  que precisam passar por um diagnostico do GLAUCOMA. O Gestor Regional falou sobre o glaucoma especificando os sintomas, diagnostico e tratamento. O atendimento aqui em Olho d'Água das Cunhãs será realizado na manhã de sábado com início a partir das 08h:00 até as 12h:00 no Posto de Saúde do Bairro Novo.

O que é Glaucoma?

Sinônimos: lesão do nervo óptico
O glaucoma refere-se a um grupo de doenças oculares que provocam danos irreparáveis no nervo óptico. Este, por sua vez, é o nervo que carrega as informações visuais recebidas pelo olho até o cérebro.

Tipos

Glaucoma de ângulo fechado (agudo)

O glaucoma de ângulo fechado (agudo) ocorre quando a saída do humor aquoso é subitamente bloqueada. Isso origina um aumento rápido, doloroso e grave na pressão intraocular. Casos de glaucoma agudo são emergenciais, bem diferentes do que ocorre com o tipo crônico da doença, em que a pressão ocular desenvolve-se lenta e silenciosamente e, aos poucos, vai danificando a visão.

Glaucoma de ângulo aberto (crônico)

O glaucoma de ângulo aberto (crônico) é o tipo mais comum de glaucoma e tende a ser hereditário, mas sua causa é desconhecida. Nele, um aumento na pressão ocular desenvolve-se lentamente com o passar do tempo, e a pressão elevada causa um dano permanente no nervo óptico, causando perda do campo visual.

Glaucoma congênito

O glaucoma congênito é, como o próprio nome diz, o tipo em que a criança já nasce com a doença, herdada da mãe durante a gravidez. Este tipo de glaucoma, no entanto, é considerado raro e se descoberto, deve-se tratar imediatamente.

Glaucoma secundário

Por último, o glaucoma secundário costuma ser causado principalmente pelo uso de medicamentos, como corticosteroides, pelos traumas e por outras doenças oculares e sistêmicas.

Causas

Por razões que a medicina ainda não compreende totalmente, o aumento da pressão dentro do olho (pressão intraocular) é geralmente, mas nem sempre, associada à lesão do nervo óptico, que caracteriza o glaucoma. Esta pressão acontece devido ao aumento de um líquido chamado de humor aquoso, que é produzido na parte anterior do olho ou por uma deficiência de sua drenagem através de seu canal.
Quando há um bloqueio desse fluido do olho, este provoca o aumento da pressão ocular. Na maioria dos casos de glaucoma, essa pressão está elevada e provoca danos no nervo óptico.
A doença também pode acometer crianças, embora elas não manifestem nenhum tipo de sintoma. Crianças podem vir a apresentar glaucoma congênito de evolução tardia que acontece nos primeiros anos de vida ou glaucoma juvenil que surge geralmente aos quatro ou cinco anos de idade. Mesmo não havendo sintomas, as crianças podem sofrer danos no nervo ótico também.


Fatores de risco

Os médicos alertam para alguns fatores que podem contribuir para o desenvolvimento de glaucoma que pode levar a cegueira, se não tratados. Confira:
  • Pressão intraocular elevada
  • Idade acima dos 60 anos ou acima dos 40 anos, para o caso de glaucoma agudo
  • Afro americanos são mais propensos a desenvolver glaucoma do que pessoas caucasianas, principalmente os acima dos 40 anos de idade
  • Histórico familiar de glaucoma pode elevar as chances de um indivíduo desenvolver a doença também
  • Diabetes, problemas cardíacoshipertensão e hipertireoidismo também podem levar à doença
  • Doenças no olho, como alguns tumores, descolamento de retina e inflamações, aumentam o risco de glaucoma
  • Fazer uso por muito tempo de medicamentos à base de corticosteroides.

Nenhum comentário :

Postar um comentário