Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

quarta-feira, 30 de maio de 2018

SOBRINHO E ADVOGADA DE ROSEANA COMANDAM TENTATIVA DE CENSURA À IMPRENSA MARANHENSE


É de iniciativa do sobrinho, Adriano Sarney, e da advogada de Roseana, Anna Graziella Neiva, a denúncia à Polícia Federal e à Procuradoria Regional Eleitoral do Maranhão que tenta censurar programas jornalísticos das Rádios Timbira, Difusora e Mais FM.
A denúncia é assinada por Adriano Sarney, por meio do seu Partido Verde (PV), e feita pelo escritório de advocacia de Anna Graziella Neiva, ex-chefe da Casa Civil de Roseana e responsável por assinar a farra de lagostas e champanhes em meio a maior crise penitenciária da história do Maranhão.
A acusação possui mais de 33 páginas de completos absurdos e ataques à liberdade de expressão da mídia maranhense, em uma clara tentativa de intimidação que visa amedrontar os que se dispõe a combater a oligarquia Sarney no estado.
Com essa representação, o cleptoclã que possuía controle total da mídia durante o regime oligárquico se mostra completamente incomodado com o contraditório, sobretudo com aqueles que mostram exatamente o que o império midiático se recusa.
Só de perceber os atores que capitaneiam essa tentativa de censura à imprensa, já dá pra perceber que o teor contido nessas denúncias servem tão somente para atender os interesses eleitorais da oligarquia Sarney.
Se os governistas tivessem essa sanha perseguidora com a imprensa sarneyzista desde 2015, com certeza o império midiático da oligarquia já estaria com milhares de denúncias.
Mas quem está tentando praticar uma censura nos moldes da ditadura é exatamente quem apoiou esse regime lá atrás.
 
Blog do Domingos Costa

Nenhum comentário :

Postar um comentário