Páginas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

sábado, 2 de fevereiro de 2019

SENADOR DAVI ALCOLUMBRE (DEM-AP) É ELEITO PRESIDENTE DO SENADO


PRIMEIRA VOTAÇÃO, NESTE SÁBADO, FOI ANULADA PORQUE HAVIA UM VOTO A MAIS NA URNA. RENAN CALHEIROS RETIROU CANDIDATURA.
Resultado de imagem para SENADOR Davi Alcolumbre

  Com 42 votos, Davi Alcolumbre (DEM-AP) foi eleito presidente da Casa.

    O ministro Dias Toffoli, do STF, determinou na última madrugada que a eleição fosse feita por meio de votação secreta. Apesar disso, vários senadores declararam suas escolhas em voz alta.

     Votação deveria ter ocorrido na sexta-feira, mas foi adiada para este sábado depois de muito tumulto e bate-boca entre os senadores.

     Disputaram o cargo: Ângelo Coronel (PSD-BA), Davi Alcolumbre (DEM-AP), Fernando Collor (Pros-AL), Esperidião Amin (PP-SC) e Reguffe (sem partido-DF). Alvaro Dias (Podemos-PR), Major Olímpio (PSL-SP) e Renan Calheiros (MDB-AL) retiraram-se da disputa.

    Na contagem de votos, foi detectada uma cédula a mais na urna. Isso provocou o cancelamento da eleição - e todos os papéis foram triturados, antes de qualquer apuração. Em seguida, os senadores discutiram e decidiram fazer uma 2ª votação. Renan Calheiros retirou sua candidatura por considerar o processo "deslegitimado".


G1 DF

Nenhum comentário :

Postar um comentário