Páginas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

segunda-feira, 26 de agosto de 2019

MORADORES DIZ QUE FUMAÇA DA CERÂMICA NÃO PREJUDICA, O PROBLEMA É A POEIRA POR CAUSA DO FLUXO DE VEÍCULOS.

VEÍCULOS DA CERÂMICA PASSAM DEVAGAR, SÃO OS  CARROS E MOTOS DE ALGUMAS PESSOAS QUE VÃO PARA O CAMPO PARTICULAR QUE FAZEM A POEIRA PRA GENTE DIZ, MORADORES.
 Após denúncia sobre uma suposta nuvem de fumaça vindo da cerâmica e que estaria prejudicando a saúde de moradores na Vila  Frei Felipe(Catita), a reportagem do Blog do Antônio Filho, esteve manhã de domingo(25), para verificar o que  de fato está acontecendo.  Ao chegarmos no local demos de cara com o empresário Donizete Amorim, proprietário da cerâmica MIROMA, ele estava aguando parte da estrada e assim evitar a poeira para os moradores que moram nas proximidades.
                   
Pedir licença para adentrar no empreendimento, ele prontamente deu a permissão, me identifique e disse que havia denúncia de que uma suposta fumaça estaria colocando em risco a saúde pessoas que moram na redondeza. 

No interior da cerâmica fizermos algumas fotos, as duas chaminés por onde  poderiam estar saindo um grande volume de fumaça a ponto de prejudicar moradores observamos que as duas  estavam no padrão exigidas pelo ministério do meio ambiente e quase não vimos a fumaça ou seja sai em pequena quantidade e ela é direcionado para lado oposto a Vila Frei Felipe.  Donizete Amorim, disse a nossa reportagem que recentemente teve uma área de lotes na região do Bairro Recanto dos Guarás e isso teria provocado uma nuvem de fumaça na localidade.
Para tirar as dúvidas, teve ouvir também alguns moradores, Francisco Silva(Caçulo), disse que a fumaça produzida na cerâmica em momento algum prejudica moradores, “se a fumaça prejudicasse alguém aqui, eu já teria morrido, eu morro ao lado há mais de 10 anos, acho que tem alguém querendo prejudicar o proprietário do empreendimento, o problema aqui é a poeira, só que os carros da cerâmica passam devagar, mais aqui a Rua não tem asfalto e algumas pessoas que diariamente vem ao campo na chácara Nogueira, isso contribui com o aumento da poeira.
Dona Maria do Livramento, uma moradora, relatou a falta d’agua e a poeira são os grandes problemas que afetam a saúde dela e de seus familiares, ele insistiu em dizer que recentemente foi incomodada por fumaça, tudo leva a crê que foi a fumaça vinda do Bairro vizinho,  onde uma boa parte de lotes foram alvo de queimadas.

No período da tarde, retornamos ao local e presenciamos o empresário Donizete com ajuda de alguns moradores,  fazendo a limpeza da Rua. Populares disseram a nossa reportagem que ele sempre faz essa limpeza, todas as vezes  que precisamos ele nos ajuda e nós agradecemos muito, ele é um empresário amigo da população, disseram alguns moradores.
Bibiu, um vizinho de dona Maria Clemente, ratificou o que já relatamos no texto acima, “ a FUMAÇA é pouco ou quase nada, isso não está nos prejudicando. 
                        
O problema  que enfrentamos é a falta dágua e a poeira causada por  veículos, carros e motos de alguns que passam para o campo da Chácara Nogueira e as vezes passam numa velocidade que produz muita poeira”, Bibiu finalizou dizendo que o proprietário da Cerâmica ajuda aguando parte da Rua e vai doar os canos para a tubulação que será feita da caixa d’água até as casas dos moradores que reclamam da poeira.








Nenhum comentário :

Postar um comentário