ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

segunda-feira, 30 de agosto de 2021

DEPUTADO JUSCELINO FILHO GARANTE RECURSOS PARA REALIZAÇÃO DO CENSO DEMOGRÁFICO

JUSCELINO LEMBRA QUE A COLETA DE DADOS É ESSENCIAL PARA A FORMULAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICAS EM ÁREAS COMO SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA, SANEAMENTO E DESENVOLVIMENTO SOCIAL.

Dep. Juscelino Filho

O Censo Demográfico, realizado a cada 10 anos pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), é de extrema importância para o país. Mais que números, ele fornece um retrato preciso da população e das condições de vida em todas as regiões brasileiras, indicando caminhos para a formulação de políticas públicas em diversas áreas. A pesquisa deveria ter sido feita em 2020, o que ainda não aconteceu.

Mas no que depender de Juscelino Filho (DEM-MA), teremos Censo no próximo ano. É que como relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2022, o deputado federal garantiu que a Lei Orçamentária Anual (LOA), a ser encaminhada pelo Poder Executivo nas próximas semanas ao Congresso Nacional, destine recursos específicos para a realização do levantamento. A LDO foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro na sexta-feira (20).

“O último Censo foi há 11 anos, em 2010, muita coisa mudou no Brasil desde então. É fundamental que um novo ocorra o quanto antes, para conhecermos as reais necessidades e demandas dos brasileiros em áreas como saúde, educação, segurança, desenvolvimento social, saneamento, geração de emprego e renda. É muito gratificante que esse avanço assegurado na LDO tenha sido mantido no texto final sancionado e publicado”, afirma Juscelino Filho.

O Censo vai visitar todos os cerca de 70 milhões de domicílios brasileiros na próxima edição. Em 2020, a coleta de dados foi suspensa em razão da Covid-19. No ano passado, além da continuidade da pandemia, houve um enorme corte de recursos. Inicialmente, o orçamento pedido pelo IBGE era de R$ 3,4 bilhões, valor que caiu para R$ 2 bilhões, o que já seria insuficiente. No final, o Orçamento da União destinou apenas R$ 71 milhões para a pesquisa.

“O pós-pandemia vai demandar ações de Estado ainda mais eficazes, a fim de resolvermos os graves problemas na saúde, na economia e na área social. Por isso, temos que ter um retrato mais atualizado da realidade da população, o que só é possível com o Censo Demográfico. Com a viabilidade financeira garantida na LOA e com o controle da crise sanitária, vamos realiza-lo e ser mais assertivos nas necessárias políticas públicas”, finaliza o deputado Juscelino. 

Assessoria.

Nenhum comentário :

Postar um comentário