Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

O FIASCO DE FLÁVIO DINO NA EMBRATUR EM 2013

                     ESSA É A VERDADEIRA HISTORIA 
                         

A Folha de São Paulo fechou hoje, neste primeiro dia do ano, os números do turismo brasileiro. 2013 vai deixar um rombo de quase R$ 20 bilhões. Quase 2 milhões de brasileiros terão viajado para o exterior, porque é mais bonito, mais barato e mais seguro. Turismo no Brasil é uma bagunça.

A Embratur é dirigida por um comunista, Flávio Dino, cujo sonho é ser governador do Maranhão e pelo qual trabalha noite e dia. Mas isso é só um detalhe. O trade turístico brasileiro, quando pode, rouba o turista, seja ele nacional ou estrangeiro. Rouba, literalmente. Querem um exemplo da Copa do Mundo?

Aqui no México, onde estou em férias, um pacote para duas pessoas, em classe econômica e hotel três estrelas, para assistir sete jogos no Nordeste, mais final e semifinal está custando U$ 99,621.00. Isso mesmo. Quase cem mil dólares. Ou R$ 240.000,00. Deste valor, há no máximo U$ 6 mil de ingressos. O resto é roubo aéreo, roubo hoteleiro, roubo no traslado, roubo na comida, roubo no taxi e roubo dos operadores brasileiros que fazem convênio com os estrangeiros.

A Copa do Mundo terá, como resultado, em termos de fomento ao turismo, o pior de todos. Vai afastar para o resto dos tempos a maioria daqueles turistas que aqui serão esfolados, sob a vista grossa de um governo sem projeto e sem planejamento para nada. Como brasileiro, procure algum pacote decente para a Copa do Mundo. E não esqueça: temos um comunista como presidente da Embratur e outro comunista como Ministro dos Esportes. Pode dar certo?

Do Blog do Coronel

Nenhum comentário :

Postar um comentário