Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

ASSEMBLEIA RECEBE REIVINDICAÇÕES DE COMUNIDADE DO ALTO ALEGRE DO PINDARÉ

DEPUTADO STÊNIO E PREFEITO ATEMIR BOTELHO  EM DEFESA DAS  COMUNIDADES RURAIS
 



















O deputado Stênio Rezende (PRTB) recebeu na Sala de Reunião da Presidência, na tarde dessa quarta-feira (06), o prefeito Atemir Botelho (PRT), o vereador Genival Rodrigues (PT) e várias pessoas que moram no assentamento Sapucaia I, II, localizado no município de Alto Alegre do Pindaré, e foram surpreendidas nos últimos dias pelo Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), com uma nova demarcação de terra na região.

De acordo com o prefeito Atemir Botelho, os assentados têm recebido várias visitas do Incra. “Essas pessoas são proprietárias de suas terras de fato e de direito, e estão preocupados com essa decisão do governo Federal, por meio do juiz Madeira, de demarcar a área”.

Segundo Atemir, mais de 300 famílias serão prejudicadas diretamente, caso haja a demarcação, já que o Incra tem feito diariamente um recadastramento com várias famílias.

Por outro lado, o vereador Genival Rodrigues também contou que foram pegos de surpresa com essa notícia. “Eles nos pegaram desprevenidos. As pessoas ficaram apreensivas por saberem que terão prejuízos enormes, sendo que não estavam preparados para receber tal noticia. Queremos que ninguém seja prejudicado, principalmente quem está na terra trabalhando, produzindo, pois precisamos de produção, as pessoas que serão prejudicadas geram emprego e renda”.

Além disso, adiantou que vieram pedir apoio à Assembleia para que o caso seja resolvido da melhor forma possível sem que as famílias sejam prejudicadas. “Apelamos para que o Incra tenha calma, para que a gente não saia prejudicado, que dêem direito às pessoas de se defenderem. Espero que a Justiça veja a situação para que não haja prejuízo de ambas as partes”, salientou.

Além de outras famílias, a de José Brás Costa Castro, de 46 anos, também se fez presente na reunião, e contou a frustação que tem passado ao pensar em ser retirado do local que vive há muitos anos. “Lá já montamos as nossas famílias, não temos para onde ir. Eles [Incra] chegam aqui e nem procuram quem é dono das terras. Queremos uma solução para o nosso caso, tendo em vista que de lá tiramos o nosso sustento”.

O deputado Stênio Rezende manifestou apoio ao discurso das pessoas que ali se fizerem presentes, frisando que essa nova demarcação afeta diretamente a população do assentamento Sapucaia I, II, em Alto Alegre do Pindaré. Além disso, afirmou que a Assembleia Legislativa irá tomar medidas no sentido de ajudar a solucionar o problema. 

Annyere Pereira / Agência Assembleia

Nenhum comentário :

Postar um comentário