Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

quarta-feira, 26 de julho de 2017

POPULAÇÃO LOTA GINÁSIO ONDE OCORRE VELÓRIO DE PREFEITO DE TUCURUÍ

OS ATENTADOS CONTRA PREFEITOS E OUTROS POLÍTICOS DO PARÁ TÊM SE TORNADO FREQUENTES. NAS REGIÕES SUL E SUDESTE, FORAM REGISTRADAS 5 MORTES VIOLENTAS CONTRA POLÍTICOS EM 2016 E 2017

População lota ginásio onde ocorre velório de prefeito de Tucuruí (Foto: Felype Adms/Diário do Pará)
População da cidade prestou homenagens ao prefeito Jones William durante a madrugada desta quarta-feira (26). (Foto: Felype Adms/Diário do Pará)

A população de Tucuruí lotou, durante a noite desta terça-feira (25) e madrugada desta quarta-feira (26), o ginásio poliesportivo da cidade, no sudeste paraense, onde é realizado o velório do prefeito Jones William, assassinado na tarde de ontem.

Jones visitava uma obra no bairro Cristo Vive, em uma estrada que dá acesso ao aeroporto da cidade, quando foi alvejado por dois suspeitos em uma moto. Ele chegou a ser encaminhado para o hospital, mas não resistiu os ferimentos.

O velório iniciou durante a noite, quando a população lotou as arquibancadas do espaço, e segue durante a manhã de hoje.

Natural de Italva, no Rio de Janeiro, Jones tinha 42 anos, e foi eleito duas vezes para vereador, em 2004 e em 2008, e venceu as últimas eleições para prefeito, com 50% dos votos. Ele deixa uma esposa e quatro filhos.

PISTOLAGEM

Os atentados contra prefeitos e outros políticos do Pará têm se tornado frequentes. Nas regiões sul e sudeste, foram registradas 5 mortes violentas contra políticos em 2016 e 2017. Há dois meses, o prefeito de Breu Branco, Diego Kolling, conhecido como Diego Alemão (PSD), foi assassinado com um tiro no peito, na manhã do dia 16 de maio, no momento em que pedalava na rodovia BR-263 em Breu Branco.

ASSASSINATOS DE POLÍTICOS VIRAM ROTINA NO INTERIOR DO PARÁ

24/1/2016 - Goianésia do Pará
João Gomes da Silva (PR) foi morto a tiros durante velório. Ele tinha 62 anos e era prefeito de Goianésia do Pará, cidade que tem 35 mil habitantes aproximadamente, e ocupava o cargo desde 2013. Um homem que já estava no local fez os disparos contra o político e fugiu de moto.

18/2/2016 - Goianésia do Pará
Quase 1 mês após o assassinato do prefeito Russo, Goianésia foi palco de mais um assassinato envolvendo um político. A vítima foi o vereador José Ernesto da Silva Branco (PHS), morto a tiros por 2 homens que estavam em uma moto.

10/4/2017 - Rio Maria
O vereador Paulo Chaves Marinho (PSB), o “Paulão Chefia” foi assassinado a tiros dentro de seu carro. Ele era pecuarista e estava em seu segundo mandato. Em 24 de março, o vereador havia sido alvo de atentado quando voltava de uma propriedade rural.

16/5/17 – Breu Branco
O prefeito do município no sudeste paraense, Diego do Alemão (PSD), é baleado no peito enquanto pedalava na rodovia PA-263. Ainda não se tem informações sobre suspeitos e qual a seria a motivação do crime. Uma das hipóteses é de execução e emboscada. Diego foi eleito com 10.916 votos (46,75%) nas eleições 2016.

25/7/17 – Tucuruí
O prefeito do município, também do sudeste paraense, Jones William (PMDB), morreu após ser baleado por dois homens em uma motocicleta. O crime aconteceu por volta das 16h, na rodovia PA 150, que liga a cidade ao aeroporto. dos votos.

(DOL com informações de Felype Adms, Pryscila Soares e Jéssika Ribeiro/Diário do Pará)

Nenhum comentário :

Postar um comentário