Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

domingo, 28 de janeiro de 2018

TURISTA DE BRASÍLIA MORRE ATROPELADO NA AVENIDA LITORÂNEA E DONO DE RESTAURANTE FAZ DESABAFO



DONO DO RESTAURANTE PICANHA DE OURO PROTESTA CONTRA MORTE DE TURISTA NA AVENIDA LITORÂNEA.



Um turista de Brasília foi atropelado e morto por um veículo Sandero, que desenvolvia alta velocidade, na noite de sábado (27), na Avenida Litorânea, em São Luís. O motorista fugiu sem prestar socorro à vítima. O turista morreu no local.

O acidente foi em frente ao restaurante Picanha de Ouro. O dono do estabelecimento ficou revoltado e fez um desabafo no facebook, na manhã deste domingo (28). Para Fabiano Bessa, a culpa é do poder público que não adota medidas para melhorar a sinalização e conter os motoristas que desenvolvem alta velocidade em trechos da avenida.

“Eu avisei e publiquei que ia morrer muita gente atropelada pelos imbecis que andam em alta velocidade na Av. Litorânea. A culpa é dos órgãos públicos que não sinalizam com barreiras eletrônicas, não tem faixa de pedestres e nada que possa educar ou controlar os malucos. Eu sabia que ia acontecer essa tragédia que vitimou um pai de família, turista e empresário de Brasília”, desabafou o dono do restaurante.
 
                       
Outro problema apontado por ele são os carros pipas, que fazem abastecimento de imóveis da área, e costumam trafegar pelo local em alta velocidade. “Esses carros pipas colocam nossas vidas em risco. Não respeitam ninguém. Carro pequeno se não sai da frente leva buzinaço e ainda correm risco de ser atropelados”, diz Fabiano.

Para fechar o desabafo pela morte do turista, o empresário reforça que está indignado com o descaso na área. “Tenho minha empresa aqui e também moro há 20 anos, mas estou indignado com a falta de compromisso das autoridades em preservar a vida de quem mora na Litorânea, de quem frequenta e de quem passa por aqui. Isso é uma vergonha!”
                    
Os trechos mais perigosos para travessia de pedestres estão localizados nas proximidades da praça de alimentação Na Mosca, Soul Açaí, Academia, Maggiorasca, Picanha de Outro, Bar do Nelson, dentre outros.

Fabiano apela ao governador e ao prefeito para que adotem providências para resolver o problema, ressaltando que a Litorânea é cartão postal da cidade, área de turismo e de entretenimento. 
 
Blog do Gilberto Lima

Nenhum comentário :

Postar um comentário