Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

sexta-feira, 20 de abril de 2018

EQUÍVOCO GRAVE E SEM PRECEDENTES, NÃO AUTORIZADO PELO COMANDO PM, DIZ CEL. LUONGO SOBRE “CIRCULAR 018/2018”

LOGO QUE ESTE EQUÍVOCO FOI IDENTIFICADO, TOMOU MEDIDAS IMEDIATAS PARA CORRIGIR TAL ERRO E TORNAR SEM EFEITO TAIS MEDIDAS, ASSIM COMO INSTAUROU UM PROCEDIMENTO DE APURAÇÃO LEGAL PARA AS DEVIDAS PROVIDÊNCIAS QUE O CASO REQUER.


O Comandante da Polícia Militar do Maranhão, Cel. Jorge Luongo, informou, por meio de nota, que o comunicado feito pelo Comando do Policiamento de Barra do Corda, determinando o “fichamento” de adversários políticos do governo no interior do estado, é um equívoco grave e sem precedentes, não autorizado pelo Comando da PM.

Veja a nota do comando da PM
A Polícia Militar do Maranhão vem a público esclarecer que o documento que circula nas redes sociais onde supostamente se determina às Unidades do Interior que identifiquem lideranças antagônicas ao Governo Local e Estadual é um equívoco grave e sem precedentes, não autorizado pelo Comando da Instituição Policial Militar, que na sua gênese procurava tão somente catalogar dados informativos e estatísticos que subsidiassem um banco de dados para a elaboração do planejamento do policiamento das eleições 2018.
Informa que logo que este equívoco foi identificado, tomou medidas imediatas para corrigir tal erro e tornar sem efeito tais medidas, assim como instaurou um procedimento de apuração legal para as devidas providências que o caso requer.
Coronel PM Jorge Luongo – Comandante geral da Polícia Militar do Maranhão
 



Nenhum comentário :

Postar um comentário