Páginas

ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quarta-feira, 1 de janeiro de 2020

JOVEM COMEMORA ANIVERSÁRIO FAZENDO DOAÇÕES EM COMUNIDADE CARENTE DE TERESINA

TODO DIA 1 DE JANEIRO, JULIANO MENESES, DE 23 ANOS, LEVA DOAÇÕES QUE ARRECADA DURANTE O MÊS DE DEZEMBRO. EM 2020, QUARENTA FAMÍLIAS RECEBERAM CESTAS BÁSICAS E DOAÇÕES DE ROUPAS.
                                     Juliano Meneses fez doações na Vila Santo Antônio no primeiro dia de 2020 — Foto: Arquivo Pessoal
G1 PI-Faz três anos que o jovem Juliano Meneses, de 23 anos, realiza um grande ato de solidariedade logo no primeiro dia do ano. O rapaz completa aniversário no dia 1 de janeiro e para comemorar, prepara uma grande doação de roupas e comida para famílias carentes de Teresina.
No primeiro dia de 2020, 40 famílias da Vila Santo Antônio, na Zona Leste da capital, receberam as doações arrecadadas por Juliano. A entrega é feita pela associação de moradores da comunidade, responsável por destinar os produtos para famílias que realmente precisam de ajuda.
Juliano, que é técnico em segurança do trabalho e estudante de engenharia, passou os últimos dois meses de 2019 arrecadando os produtos que serão doados. São roupas, alimentos, produtos de higiene, mochilas, colchões e outros itens.
Neste ano, o rapaz conseguiu até um berço que foi doado nesta quarta-feira (1). “Eu recebo tudo que vier a ser útil a alguém e que esteja em um bom estado”, disse ele ao G1.
                            Juliano Meneses fez doações na Vila Santo Antônio no primeiro dia de 2020 — Foto: Arquivo Pessoal
O rapaz começou o projeto em 2017, e arrecada os produtos construindo uma campanha de doações pelas redes sociais. Até hoje faz tudo sozinho, uma atividade cansativa e cheia de aprendizado.

“Depois que comecei esse “projeto”, eu hoje olho cada pessoa com os mesmos olhos. Depois de conhecer realidades de extrema pobreza”, disse.

“São pessoas que não tem onde dormir, e a mesma chegar pra você e pedir ajuda para um amigo que está precisando mais que ela. É algo que você precisa parar pra tentar entender”, disse

Segundo Juliano, a experiência de ajudar pessoas desconhecidas é modificadora e gratificante, além de ser uma ótima forma de começar o ano.
“Dá pra sentir nos olhos delas o quanto esse pequeno gesto é importante para elas. Não falo dos bens que elas recebem, falo de esperança de dias melhores, logo no primeiro dia do ano”, declarou.

Nenhum comentário :

Postar um comentário