ANUNCIE AQUI

ANUNCIE AQUI

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

PRESIDENTE DO CONSELHO DE ÉTICA, DEP. JUSCELINO FILHO PREVÊ VOTAÇÃO DE CASO SILVEIRA EM ATÉ 60 DIAS

PRESIDENTE DO CONSELHO DE ÉTICA DA CÂMARA, DIZ QUE DEPUTADOS PRECISAM TER RESPONSABILIDADE COM O QUE FALAM

O deputado federal maranhense e presidente do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados, Juscelino Filho (DEM), classificou como situação delicada o caso envolvendo o deputado federal bolsonarista, Daniel Silveira (PSL-RJ), que continua preso na superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro após divulgar um vídeo defendendo o AI-5, instrumento de repressão mais duro da ditadura militar, e destituição de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), o que é inconstitucional.

“Deputados precisam ter responsabilidade com o que falam e com o que dizem, principalmente porque imunidade não significa impunidade”, afirmou o parlamentar em contato com O Antagonista.

A representação contra Silveira, assinada pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), foi enviada ontem ao Conselho comandado por Juscelino.

O democrata explicou que, na próxima terça-feira (23), designará o relator que cuidará da representação da Mesa Diretora que pede a cassação do mandato de Daniel Silveira.

Juscelino explicou que primeiro é feito um sorteio de uma lista tríplice e ele escolhe quem será o relator. O maranhense permanece como presidente do Conselho até que as Comissões sejam instaladas com suas novas composições, que trabalharão junto com a gestão de Lira.

Na visão de Juscelino, isso pode levar cerca de um mês. Enquanto isso, ele dará início aos trabalhos do Conselho, começando com a representação da Mesa Diretora já encaminhada.


Por Redação O Antagonista.

Nenhum comentário :

Postar um comentário