Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

sábado, 26 de agosto de 2017

LAVA JATO: JANOT ACUSA SARNEY NO SUPREMO POR CORRUPÇÃO PASSIVA E LAVAGEM DE DINHEIRO


O ex-senador José Sarney foi denunciado nesta sexta-feira (25) ao Supremo Tribunal Federal (STF) pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, por envolvimento em crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro investigados pela Operação Lava Jato.
Além de Sarney, foram denunciados outros quatro senadores, um ex-senador e mais três pessoas ligados aos esquemas.
Todos são acusados em inquérito que apurava inicialmente se o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) e o deputado Aníbal Gomes (PMDB-CE) receberam propina oriunda de contratos da Transpetro.
Provas contra Sarney – A denúncia ocorre ao final da investigação, quando o Ministério Público entende já ter indícios suficientes ou mesmo provas que indicam que Sarney cometeu os crimes.
Caberá, a partir de agora, ao ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no STF, pedir a defesa prévia de Sarney e dos outros investigados antes de redigir um relatório e levar o caso para análise dos outros quatro ministros da Segunda Turma: Gilmar Mendes, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski e Celso de Mello.

Nenhum comentário :

Postar um comentário