Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

TILENE, HOMICIDA QUE FOI PRESO EM VITORINO FREIRE ASSUMIU AUTORIA DO LATROCÍNIO EM LIMA CAMPOS.

“EU MATEI O CHAGAS, PORQUE TINHA MEDO QUE ELE ME MATASSE”, AFIRMOU TILANE

Na manhã desta quinta-feira (22), o delegado regional de Pedreiras, Dr. Lucas Smith, concedeu várias entrevistas para a imprensa local, em que abordou a prisão de Francilanio Ferreira de Sousa, vulgo “Tilane”, autor do bárbaro assassinato que foi vítima o agricultor, conhecido como “Seu Chagas”, crime ocorrido em 18 de agosto de 2017, em Lima Campos.

Dr. Lucas Smith e uma equipe de policiais civis de Pedreiras estiveram ontem (21), na cidade de Vitorino Freire para fazer a condução de Tilane. 

O delegado contou a imprensa detalhes do depoimento do acusado e da operação que resultou na localização da motocicleta da vítima.

                                                             
“Ontem, logo cedo, eu e uma equipe da Polícia Civil, fomos à delegacia do município de Vitorino Freire e lá nós passamos a fazer uma oitiva informal, um primeiro contato com investigado Francilanio Ferreira de Souza; nós apresentamos para ele todas as informações que tínhamos, que comprovam que ele seria o autor; diante disso, Francilanio passou a confessar o crime e indicou a pessoa em que ele negociou a motocicleta da vítima. Essa pessoa mora na cidade de Vitorino Freire; nos deslocamos até essa pessoa e ele confirmou que teria negociado o veículo, mas afirmou que já havia repassado para um terceiro que mora no povoado Pau d'Arco, distante aproximadamente 8 km da sede de Vitorino Freire. Diante disso, nós, com equipe da polícia civil de Vitorino Freire, nos deslocamos para esse povoado, conseguirmos recuperar a moto, retornamos à delegacia e voltamos a ouvir uma oitiva formal com relação à situação do Francilanio”, explicou o delegado.

Delegado Lucas Smith falou sobre a negociação da motocicleta da vítima.

“A primeira negociação, não foi uma venda, mas uma troca; Tilane trocou a moto em uma Yamaha XTZ, um modelo muito mais antigo, inclusive ele teria voltado R$ 300 na troca; importante frisar que esses dois indivíduos responderão, em Vitorino Freire, pelo crime receptação. Nós, da polícia, alertamos a população para tomar as devidas cautelas, quando for fazer transação, envolvendo motocicleta ou qualquer outro tipo de veículo para evitar responder pelo crime de receptação”, disse.
A moto recuperada será devolvida a família de seu Chagas. 
                                  

Blog do Carlinhos

Nenhum comentário :

Postar um comentário