Páginas

GOVERNO DO MARANHÃO

domingo, 18 de março de 2018

FLÁVIO DINO AGRADECE LIDERANÇA DIZ QUE POPULAÇÃO CANSOU DE QUEM NÃO TEM PROPOSTAS

DE ACORDO COM PESQUISA FLÁVIO DINO SERIA REELEITO EM PRIMEIRO TURNO NA SEGUNDA MAIOR CIDADE DO MARANHÃO COM 73,11% DOS VOTOS VÁLIDOS, CONTRA APENAS 18,06% DE ROSEANA SARNEY (MDB), QUE APARECE EM SEGUNDO LUGAR



O governador Flávio Dino agradeceu a população de Imperatriz pela liderança com mais de 70% das intenções de votos, segundo em pesquisa publicada nesta sexta-feira (16) pelo Jornal Correio. Dino afirmou que a população está cansada da falta de propostas, baixarias e maldades, numa referência ao grupo Sarney.
“Mais uma pesquisa registrada na Justiça Eleitoral mostra que a população cansou de quem não tem propostas e por isso só se dedica a baixarias e maldades. Obrigado pela confiança do povo de Imperatriz”, escreveu o governador, em seu perfil no Twitter.
De acordo com pesquisa realizada pelo Instituto Interpreta, Flávio Dino seria reeleito em primeiro turno na segunda maior cidade do Maranhão com 73,11% dos votos válidos, contra apenas 18,06% de Roseana Sarney (MDB), que aparece em segundo lugar. Em terceiro lugar aparece o pré-candidato do PSDB, Roberto Rocha, com apenas 6,72%, seguido de Maura Jorge (PODE), com 1,48% e Ricardo Murad (PRP) com 0,63%. Eduardo Braide (PMN) também foi listado na pesquisa, mas não obteve intenções de votos.
Aprovação
Com relação à aprovação da gestão Dino, 74,67% do eleitorado imperatrizense declarou aprovar o trabalho realizado, e apenas 19,67% das pessoas disseram não aprovar o governo do comunista. 5,66% não souberam ou não responderam. A pesquisa foi realizada nos dias 6 e 7 de março e está registrada no TSE sob a identificação: MA-03198/2018.
No total foram entrevistadas 600 pessoas, com base nas zonas eleitorais urbana e rural de Imperatriz, considerando o número de eleitores de cada seção. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos e o intervalo de confiança é avaliado em 95%.
Do Página2

Nenhum comentário :

Postar um comentário